ARQUIVOLOGIA, CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO E AS DUAS FACES DE JANO

Palavras-chave: Arquivologia, Ciência da Informação, Acesso, Aplicações práticas, Contexto de Produção

Resumo

Propor soluções práticas para responder ao leque de questões relacionadas ao acesso à informação resume o objetivo da Ciência da Informação, que se desdobra em diferentes contextos de aplicação prática identificados como arquivos, bibliotecas e museus. A distinção entre estes diferentes espaços de informação não reside na diferença dos documentos custodiados, mas na função a eles atribuída, produto de histórias e construções teóricas diferentes. À distinção na função atribuída aos documentos correspondem diferenças nos métodos de trabalho, enfatizando-se a importância da identificação do contexto de produção do documento arquivístico. Apesar de funções diferentes atribuídas aos documentos de arquivo, biblioteca e museu, organizar o acesso à informação constitui o objetivo comum, que visa à construção de pontes entre o passado e o futuro, a exemplo de Jano, o deus da mitologia romana, que tem duas faces, uma olhando para o passado e a outra para o futuro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Johanna Smit, USP - Universidade de São Paulo

Departamento de Ciência da Informação - Faculdade de Filosofia e Ciências - Unesp de Marília

Publicado
2017-12-19
Como Citar
SMIT, J. ARQUIVOLOGIA, CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO E AS DUAS FACES DE JANO. Brazilian Journal of Information Science: research trends, v. 11, n. 4, 19 dez. 2017.
Seção
Artigos