SENTIR PARA CONHECER: AS PERCEPÇÕES DOS PESCADORES ARTESANAIS SOBRE OS IMPACTOS AMBIENTAIS CAUSADOS PELAS MUDANÇAS CLIMÁTICAS

Vladimir Bertapeli

Resumo


Este trabalho visa compreender as percepções que pescadores artesanais da Praia dos Pescadores, Itanhaém-SP, têm sobre os impactos provocados pelas mudanças do clima no ambiente marinho da região. O trabalho de campo foi realizado entre os meses de dezembro de 2010 a fevereiro e abril de 2011, sendo coletados depoimentos de 10 pessoas que trabalham com a pesca artesanal há mais de 10 anos. A pesquisa está teoricamente fundamentada nos estudos antropológicos que investigam o uso dos sentidos corpóreos por distintas culturas. O estudo demonstra que os pescadores apontam que, além da pesca de arrasto e da poluição, as alterações climáticas são também responsáveis pela diminuição do pescado na região, alterações nos ciclos das chuvas, diminuição da quantidade de peixes, mudanças nos períodos de migrações e reprodução de algumas espécies como, por exemplo, a tainha, robalo, camarão sete-barbas, etc.

Texto completo:

PDF